clique para ir para a página principal

Subsecretário pede demissão e equipe de Guedes perde mais um integrante

Atualizado em -

Subsecretário pede demissão e equipe de Guedes perde mais um integrante Gustavo Raniere | Ministério da Economia
► Economia anuncia novos secretários para substituir Salim Mattar e Paulo Uebel► Dois secretários de Guedes pedem demissão e ministro fala em "debandada"

A equipe do ministro Paulo Guedes (Economia) sofreu mais uma perda nesta segunda-feira (17) com a exoneração do subsecretário de Política Macroeconômica, Vladimir Kuhl Teles.

A saída foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda e é mais uma baixa importante na equipe econômica.

Apesar da “debandada” anunciada por Guedes na última semana, a saída de Vladimir Kuhl teria acontecido por motivo de doença na família e não por divergências em relação ao trabalho que vem sendo executado pelo governo.

Como o M1M mostrou, Paulo Guedes perdeu integrantes importantes de sua equipe nas últimas semanas.

As saídas começaram no fim de 2019, quando Marcos Cintra deixou o cargo de secretário especial da Receita Federal. Neste ano, Joaquim Levy anunciou que deixaria o posto de presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Mansueto Almeida deixou o cargo de Secretário do Tesouro Nacional.

Além deles, Rubem Novaes renunciou ao cargo de presidente do Banco do Brasil e Caio Megale deixou de ser diretor de programas da Secretaria Especial de Fazenda. Por fim, neste mês, Salim Mattar pediu demissão do cargo de secretário especial de Desestatização e Privatização e Paulo Uebel anunciou que deixaria o posto de secretário de Desburocratização, Gestão e Governo Digital.

Relacionados:

► Economia anuncia novos secretários para substituir Salim Mattar e Paulo Uebel► Dois secretários de Guedes pedem demissão e ministro fala em "debandada"

Leia mais: