clique para ir para a página principal

Apple é a primeira empresa americana a ultrapassar US$ 2 trilhões em valor de mercado

Atualizado em -

Apple é a primeira empresa americana a ultrapassar US$ 2 trilhões em valor de mercado
► Stone anuncia acordo vinculante para unir-se a Linx e paga R$ 6,4 bilhões► Efeitos negativos da pandemia atingiram 4 em cada 10 empresas no Brasil► Oracle entra na disputa pela compra do TikTok; ações da empresa sobem até 2,8% na bolsa de NY

A Apple (AAPL) se tornou nesta quarta-feira (19) a primeira empresa de capital aberto dos Estados Unidos a valer mais de US$ 2 trilhões. As ações da gigante de tecnologia subiram até 1,3%, para US$ 468,09 no pregão do meio da manhã. As ações mais do que dobraram em relação a março, em uma alta que foi impulsionada pelo otimismo em relação ao iPhone 5G.

A marca alcançada é superior à riqueza de 170 países, incluindo o Brasil, de acordo com dados do Banco Mundial. Se o valor de mercado da empresa fosse uma nação, ela seria o 8º país mais rico do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, China, Japão, Alemanha, Índia, Reino Unido e França.

A companhia segue expandindo sua divisão de produtos e deve atingir em breve a marca de US$ 50 bilhões em receita. A divisão, que inclui produtos voltados ao mercado de TVs e música, reportou uma receita de US$ 13,1 bilhões frente aos US$ 11,5 do trimestre de 2019.

Mercado aquecido

As rivais Amazon (AMZN), Microsoft (MSFT) e Google (GOOG) também estão crescendo ao longo da pandemia de coronavírus. A empresa de Jeff Bezos, por exemplo, registrou seu maior lucro trimestral da história no intervalo entre abril e junho de 2020, mostrando o crescimento no setor de compras online.

Relacionados:

► Stone anuncia acordo vinculante para unir-se a Linx e paga R$ 6,4 bilhões► Efeitos negativos da pandemia atingiram 4 em cada 10 empresas no Brasil► Oracle entra na disputa pela compra do TikTok; ações da empresa sobem até 2,8% na bolsa de NY

Leia mais: