clique para ir para a página principal

BNDES já movimentou R$61,7 bi para salvar empresas na pandemia

Atualizado em -

BNDES já movimentou R$61,7 bi para salvar empresas na pandemia Foto: Freepik
► BC divulga aumento de 1% no estoque de crédito no Brasil em julho► Governo divulga Projeto de Orçamento de 2021 e propõe salário mínimo de R$ 1.067

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) já movimentou R$61,7 bilhões para ajudar empresas brasileiras a enfrentarem a pandemia do coronavírus. Segundo dados do banco, esse valor foi movimentado nos últimos cinco meses e ajudou, principalmente, as micro, pequenas e médias empresas, que representam 99% das 200 mil empresas apoiadas.

Além do valor destinado às empresas, R$20 bilhões foram repassados do Fundo PIS-PASEP para o FGTS e permitiu que pessoas físicas façam saques emergenciais com o objetivo de garantir o consumo em meio à crise. Somando os dois valores, o BNDES já movimentou mais de R$80 bilhões em medidas emergenciais para apoiar a economia nacional.

Auxílio Emergencial

O impasse em torno do novo valor do auxílio emergencial continua. Inicialmente estabelecido em R$600, o auxílio pago em razão da pandemia vai ter o valor reduzido, mas o governo federal ainda não informou de quanto será a nova ajuda. As novas parcelas serão pagas até dezembro.

O gasto do governo federal com o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 já superou R$ 212,8 bilhões, equivalente a 86% do orçamento de R$ 254,4 bilhões previstos para as cinco parcelas.

Relacionados:

► BC divulga aumento de 1% no estoque de crédito no Brasil em julho► Governo divulga Projeto de Orçamento de 2021 e propõe salário mínimo de R$ 1.067

Leia mais: