clique para ir para a página principal

Serasa Experian diz que abertura de empresas cresceu 17,7% em junho

Atualizado em -

Serasa Experian diz que abertura de empresas cresceu 17,7% em junho Pixabay
► BC aperta fiscalização em movimentações bancárias abaixo de R$ 2 mil► Para reforçar e-commerce, Magazine Luiza conclui aquisição da GFL Logística

O Indicador do Serasa Experian informou nesta sexta-feira (2) que 277.857 novas empresas foram criadas em junho, um crescimento de 17,7% na comparação com o mesmo período do ano passado. Segundo o levantamento, os microempreendedores individuais (MEIs) equivalem a 78% desse total, enquanto as sociedades limitadas ocupam 10,2% e as empresas individuais, apenas 3,6%.

A Região Norte apresentou um elevado índice para abertura de empresas, com aumento de 38,4% na comparação com junho de 2019. O Centro-Oeste ficou na segunda colocação (31,1%), seguido pelo Sul (18,9%) e Sudeste (15,1%). A região Nordeste foi quem apresentou o pior resultado, com 11,4%.

Se calcular a porcentagem de cada região em cima do total gerado de empresas (277.857), o Sudeste assume a primeira colocação, com 52,3% dos novos negócios. Em seguida estão o Sul (18,0%), Nordeste (14,4%), Centro-Oeste (9,7%) e Norte (5,7%).

De acordo com a empresa de informações de crédito, todos os segmentos apresentam crescimento em relação ao comparativo do ano passado, com destaque para o setor de Comércio que teve alta de 41,2%. As empresas da área de Serviços subiram 7,4% e as Indústrias, 28,4%.

“Abrir um negócio está diretamente ligado a confiança do empreendedor no mercado e da população com o consumo. Por isso, a necessidade de se reinventar e gerar novas fontes de renda, atrelada à reabertura e à retomada dos setores de Serviço e Comércio, incentivam o brasileiro nesse sentido”, diz o economista Luiz Rabi, da Serasa Experian, em comentário no relatório.

Relacionados:

► BC aperta fiscalização em movimentações bancárias abaixo de R$ 2 mil► Para reforçar e-commerce, Magazine Luiza conclui aquisição da GFL Logística

Leia mais: