clique para ir para a página principal

Puxada por alta nos alimentos, inflação acelera em setembro

Atualizado em -

Puxada por alta nos alimentos, inflação acelera em setembro Foto: iStock
► Vendas no varejo crescem e atingem recorde em agosto; EUA registram 840 mil pedidos de seguro-desemprego► Ministério da Saúde espera ter 140 milhões de vacinas contra a Covid-19 no primeiro semestre de 2021

O Ibovespa encerrou a última sessão em forte alta, variação +2,51%, cotado a 97.920 pontos, apoiado na performance das empresas de commodities e do setor bancário (PETR4 +3,28%; ITUB4 +6,04%; BBDC4 +5,14%).

Hoje, o índice futuro do S&P 500 indica alta de 0,47% após o presidente americano, Donald Trump, voltar atrás na decisão de encerrar as negociações sobre um amplo pacote de estímulo. As bolsas europeias, por sua vez, também operam no terreno positivo, apesar do alerta com a elevação do número de casos de Covid-19 que criou a possibilidade de estado de emergência em Madri.

Inflação

Na agenda econômica, o destaque do dia fica para a divulgação do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de setembro, que subiu 0,64%. Esse foi o maior resultado para um mês de setembro desde 2003.

text

Fonte: IBGE

No ano, o indicador, que é considerado o medidor oficial da inflação no país, acumula alta de 1,34% e, em 12 meses, de 3,14%. O maior impacto no índice do mês veio do grupo Alimentação e bebidas (2,28%), com destaque para as altas nos preços do óleo de soja (27,54%) e do arroz (17,98%). Outros produtos importantes também impactaram o índice, como o tomate (11,72%), o leite longa vida (6,01%) e as carnes (4,53%). No lado das quedas, os destaques foram cebola (-11,80%), batata-inglesa (-6,30%), alho (-4,54%) e frutas (-1,59%).

Corporativo

No cenário corporativo, o Grupo Mateus precificou suas ações a R$ 8,97, no piso da faixa indicativa. Além do lote principal, a empresa também colocou cerca de 75% do lote adicional. A estreia está marcada para o dia 13/10.

Entre as commodities, os contratos futuros do minério de ferro saltaram 4,8% na bolsa chinesa de Dalian, enquanto o petróleo Brent opera em queda de 0,25%, cotado a US$ 43,23.

Relacionados:

► Vendas no varejo crescem e atingem recorde em agosto; EUA registram 840 mil pedidos de seguro-desemprego► Ministério da Saúde espera ter 140 milhões de vacinas contra a Covid-19 no primeiro semestre de 2021

Leia mais: