clique para ir para a página principal

Incertezas sobre Covid afetam bolsas europeias; Ibovespa fechou a quinta-feira em queda

Atualizado em -

Incertezas sobre Covid afetam bolsas europeias; Ibovespa fechou a quinta-feira em queda Pixabay
► Governo deve estender auxílio emergencial se houver segunda onda de Covid-19, diz Guedes► Impulsionada por entrada de novos investidores, B3 tem lucro de R$ 1,1 bi no trimestre

O índice S&P indicou alta de 0,64% enquanto as bolsas europeias operam em queda de 0,08% em meio à esperança de mais estímulos fiscais e monetários e à redução das incertezas com a eleição presidencial depois que mais órgãos da imprensa local dão vitória de Joe Biden também no Arizona.

O Ibovespa fechou a quinta-feira com variação negativa de 2,20%, cotado a 102.507 pontos, acompanhando o movimento de correção das bolsas internacionais e refletindo a fala do ministro Paulo Guedes (Economia), que se houver uma segunda onda do coronavírus no Brasil como está ocorrendo na Europa e nos Estados Unidos o governo precisará estender o estado de calamidade e prorrogar o auxílio emergencial.

No Brasil, as atenções seguem voltadas para as eleições municipais que acontecem no próximo domingo.

Entre as commodities, os contratos futuros do minério de ferro fecharam em alta de 0,83%, enquanto o petróleo Brent opera em queda de 1,38%, cotado a US$ 42,93. No cenário corporativo, a Natura registrou lucro líquido de R$ 377,7 milhões no terceiro trimestre de 2020, bem próximo em relação ao apresentado no mesmo período do ano anterior, de R$ 376,8 milhões.

Relacionados:

► Governo deve estender auxílio emergencial se houver segunda onda de Covid-19, diz Guedes► Impulsionada por entrada de novos investidores, B3 tem lucro de R$ 1,1 bi no trimestre

Leia mais: