clique para ir para a página principal

Prejuízo da Oi cai 54,4% e empresa fecha trimestre com perdas de R$ 2,6 bi

Atualizado em -

Prejuízo da Oi cai 54,4% e empresa fecha trimestre com perdas de R$ 2,6 bi Oi | Divulgação
► Oi acumula perda líquida de R$ 2,9 bilhões em 2020; companhia aprova novo conselho► Telefônica Brasil tem lucro 25% maior no 3º trimestre, mesmo com queda na receita

Em recuperação judicial, a Oi (OIBR4) reportou prejuízo líquido de R$ 2,63 bilhões no terceiro trimestre de 2020 – uma queda de 54,1% sobre o prejuízo líquido de R$ 5,74 bilhões apurado no mesmo período de 2019.

Segundo relatório divulgado na noite de ontem, a receita líquida da companhia teve queda de 5,9% de julho a setembro e atingiu R$ 4,7 bilhões. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) avançou 6,4% no terceiro trimestre de 2020, para R$ 1,46 bilhão, em relação ao R$ 1,37 bilhão do terceiro trimestre de 2019.

A dívida líquida apurada no último trimestre cresceu 44,4% e chegou a R$ 21,2 bilhões. O caixa disponível no fim de setembro era de R$ 5,68 bilhões, uma alta de 78,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

Relacionados:

► Oi acumula perda líquida de R$ 2,9 bilhões em 2020; companhia aprova novo conselho► Telefônica Brasil tem lucro 25% maior no 3º trimestre, mesmo com queda na receita

Leia mais: