clique para ir para a página principal

Presidente do BC afirma que PIX irá estimular o crescimento das fintechs sem prejudicar bancos tradicionais

Atualizado em -

Presidente do BC afirma que PIX irá estimular o crescimento das fintechs sem prejudicar bancos tradicionais Divulgação
► Presidente do BC diz que PIX ajudará na retomada econômica e que "não tem nada a ver" com CPMF► Como migrar seus ativos para outra instituição financeira?

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, afirmou nesta quarta-feira (18) que o PIX, novo sistema de pagamentos instantâneos da instituição, irá estimular o crescimento das fintechs (pequenas empresas de tecnologia do setor financeiro) e das startups, mas sem tirar espaço dos grandes bancos brasileiros.

"Temos de estimular 'fintechs', 'startups'. Os grandes bancos têm papel importante e acho que não vão perder espaço. Vão se moldar a uma coisa diferente, à experiência do usuário, à interface com o consumidor, à conexão com outros negócios pequenos", disse.

Na avaliação de Campos Neto, o novo sistema de pagamentos não irá diminuir a receita das tradicionais instituições financeiras. Na verdade, afirma, o PIX irá gerar novos modelos de negócios e aumentará a chamada "bancarização", que vem sendo estimulada pelo auxílio emergencial.

"Não achamos que isso é um movimento que vai atrapalhar os grandes bancos. A gente acha o contrário. A gente acha, talvez, que o mercado do futuro seja os grandes bancos terem uma fatia um pouco menor de uma torta muito maior, porque gera inclusão financeira, gera bancarização, gera novos modelos de negócios", explicou o presidente do BC.

Moody’s

Em outubro, a agência de classificação de risco Moody’s estimou que os bancos tradicionais podem perder até 8% da receita atual com tarifas por conta da entrada em vigor do PIX. A estimativa foi feita com base nos dados acumulados de 12 meses até junho. De acordo com a agência, desde 2017, as transferências via TED (Transferência Eletrônica Disponível) cresceram 31% em média nessas instituições financeiras.

“O PIX será um concorrente direto dos sistemas de pagamento existentes, incluindo TED e pagamentos com cartão de débito por causa de seu sistema digital mais barato e rápido”, destacou a Moody’s, em relatório divulgado nesta terça-feira.

Relacionados:

► Presidente do BC diz que PIX ajudará na retomada econômica e que "não tem nada a ver" com CPMF► Como migrar seus ativos para outra instituição financeira?

Leia mais: