clique para ir para a página principal

BC aponta queda de 4,8% no crédito às empresas em outubro

Atualizado em -

BC aponta queda de 4,8% no crédito às empresas em outubro Marcello Casal Jr. | Agência Brasil
► Governo adianta fim da isenção de IOF em operações de crédito► Indicador que avalia a renda dos brasileiros volta a subir em novembro, informa CNC

Números divulgados hoje pelo Banco Central (BC) mostram queda de 4,8% na concessão de novos créditos para empresas em outubro na comparação com o mês anterior. Em desconto de duplicatas e antecipação de recebíveis, houve retração de 9,3% e 2,4%, respectivamente. No acumulado do ano, os empréstimos novos para pessoas jurídicas aumentaram 13,1%.

Por outro lado, a concessão de crédito para famílias aumentou 3,2% em outubro. A modalidade de crédito mais procurada foi o consignado, com aumento de 13,8% no mês. Para beneficiários do INSS, a modalidade teve alta de 65,3%.

Estoque e juros

Ainda segundo os dados do BC, o estoque total de crédito no Brasil subiu 1,4% em outubro, chegando a R$ 3,87 trilhões – o equivalente a 53,4% do PIB. Entre janeiro e outubro, o crescimento do crédito geral no país foi de 11,3% e, em 12 meses, de 14,5%.

Em relação aos custos dos financiamentos no Brasil, os juros médios subiram a 26,5% no ano em outubro. O spread, que mede a diferença entre a taxa de captação dos bancos e o valor cobrado dos seus clientes, cresceu 0,3 pontos percentuais.

Já a inadimplência renovou sua mínima histórica a 3,1% ao ano, com queda de 0,1 ponto percentual no índice registrado em setembro

Relacionados:

► Governo adianta fim da isenção de IOF em operações de crédito► Indicador que avalia a renda dos brasileiros volta a subir em novembro, informa CNC

Leia mais: