clique para ir para a página principal

Bolsonaro nomeia Gilson Machado como Ministro do Turismo após demissão de Marcelo Álvaro Antônio

Atualizado em -

Bolsonaro nomeia Gilson Machado como Ministro do Turismo após demissão de Marcelo Álvaro Antônio Alan Santos | PR
► Senado aprova criação do programa habitacional Casa Verde e Amarela► Governo zera alíquota de imposto de importação de revólver e pistola; ações da Taurus despencam

O presidente Jair Bolsonaro decidiu realizar uma troca no comando do Ministério do Turismo depois da exposição de um troca de mensagens envolvendo a articulação do governo com o Congresso Nacional. Ele demitiu Marcelo Álvaro Antônio e nomeou Gilson Machado Neto no comando da pasta.

Na quarta (09), o então ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, usou o grupo de ministros do governo em um aplicativo de mensagens para chamar Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo, de "traíra". Ramos é responsável pela articulação política no Congresso e, segundo Marcelo Álvaro, ele teria pedido sua demissão da pasta do Turismo para entregar o cargo para algum dos partidos do Centrão.

"Não me admira o Sr Ministro Ramos ir ao PR pedir minha cabeça, a entrega do Ministério do Turismo ao Centrão para obter êxito na eleição da Câmara dos Deputados", escreveu Marcelo, citando a articulação em torno do nome que ocupará a presidência da Câmara após o fim da gestão de Rodrigo Maia.

A conversa irritou o presidente e gerou desconforto na equipe de governo. Logo após a divulgação das mensagens, a demissão de Marcelo Álvaro já era tida como certa. A apoiadores na saída do Palácio do Planalto, o presidente adiantou a mudança. "O Gilson é um cara muito competente nessa área. O outro tava fazendo um bom trabalho também, né, mas deu problema aí”, explicou.

O Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (10) oficializa a troca. Gilson Machado, que assume o comando do Turismo, estava ocupando o cargo de presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur).

Relacionados:

► Senado aprova criação do programa habitacional Casa Verde e Amarela► Governo zera alíquota de imposto de importação de revólver e pistola; ações da Taurus despencam

Leia mais: