clique para ir para a página principal

Itaú é a marca mais valiosa do Brasil em 2020

Atualizado em -

Itaú é a marca mais valiosa do Brasil em 2020 Reprodução/Contagemnet
► Ibovespa atinge maior patamar desde 19 de fevereiro e encerra o dia em alta de 1,88% aos 115.128 pontos► B3 pretende realizar investimentos de R$ 420 a R$ 460 milhões no próximo ano

Na tarde da última quinta-feira (10), foi divulgado o ranking das Marcas Brasileiras Mais Valiosas em 2020, realizado pela Interbrand. O Itaú Unibanco (ITUB4) ficou em primeiro lugar com avaliação do valor da marca em R$ 37,4 bilhões.

Em seguida, no segundo lugar, o Bradesco (BBDC4), com o valor de R$ 26,3 bilhões e em terceiro, a Skol, do grupo da Ambev (ABEV3), com avaliação de R$ 17,6 bilhões. Completam o ranking das cinco empresas melhores avaliadas a Brahma, que tem valor de R$ 12,1 bilhões, e a Natura (NTCO3), com R$ 9,7 bilhões.

No ranking, feito há mais de 20 anos, são divulgadas as 25 empresas mais valiosas do país. O destaque ficou por conta de três empresas que apareceram pela primeira vez na lista. Em décimo lugar aparece a empresa brasileira de gestão de investimentos XP Inc (XP), avaliada em R$ 1,6 bilhões. Em 15º lugar, estreou a Raia Drogasil (RADL3) com valor de R$ 997 milhões. A PagSeguro (PAGS) também aparece pela primeira vez em 22º lugar com avaliação de R$ 543 milhões.

A somatória dos valores das empresas da tabela geram um montante de R$ 135 bilhões, um aumento de 4% em relação ao resultado registrado em 2019. Além das três empresas estreantes, outras 18 organizações também apresentaram taxa positiva em seu valor de 2019. A Interbrand destacou o crescimento de 62% da Magazine Luiza (MGLU3), de 16% da Natura (NTCO 3), de 11% do Itaú Unibanco (ITUB4) e de 10% das Lojas Americanas (LAME4).

O CEO da Interbrand no Brasil, Beto Almeida, destacou que o resultado registrado mostra o predomínio de marcas do setor financeiro e a de cervejas, que obtiveram bons números no ano.

“O destaque do setor financeiro fica com a XP Inc, que é o elemento novo dessa categoria neste ano. A empresa chegou para mexer com o sistema financeiro e sua estrutura. Uma marca como a XP desafia as marcas tradicionais. A empresa teve resultados positivos e já chega no ranking entrando no top 10”, analisou Almeida.

Almeida ainda explicou como é feito o processo de avaliação das organizações. Segundo ele, não é feito contato com nenhuma empresa e são usados dados públicos divulgados. São levados em consideração, como critérios de análise, uma avaliação financeira com a ajuda de bancos de investimentos, uma análise do papel da marca, que evidencia a importância dela para o setor e em seguida é analisada a força da marca, que contempla liderança, engajamento e relevância.

Resultados do Itaú no terceiro trimestre de 2020

O Itaú Unibanco registrou no terceiro trimestre de 2020 um lucro líquido de R$ 5,0 bilhões, alta de 19,6% em relação ao resultado registrado nos três meses anteriores, com retorno sobre o patrimônio líquido de 15,7%. Na comparação com o mesmo período de 2019, foi registrada uma baixa de 29,7%, no lucro líquido recorrente.

O resultado é reflexo da recuperação de alguns negócios como o imobiliário e o de veículos. Além disso, o aumento das receitas de serviços e seguros, em um cenário de perspectiva de retomada da economia e do mercado de capitais, também foi um fator colaborador para esse registro.

A expansão da carteira de crédito, o menor nível de provisionamento e a disciplina na administração de custos também foram importantes para que acontecesse esse incremento.

Relacionados:

► Ibovespa atinge maior patamar desde 19 de fevereiro e encerra o dia em alta de 1,88% aos 115.128 pontos► B3 pretende realizar investimentos de R$ 420 a R$ 460 milhões no próximo ano

Leia mais: