clique para ir para a página principal

B3 começa a negociar cotas do FII BB FOF nesta quarta-feira (06)

Atualizado em -

B3 começa a negociar cotas do FII BB FOF nesta quarta-feira (06) Freepik
► O que são e como funcionam os fundos imobiliários?► B3 vai liberar empréstimo de cotas de FIIs e FIPs a partir da próxima segunda-feira (30)

Direcionado a investidores em geral, o novo fundo de investimento BB Fundo de Fundos (Fundo de Investimentos Imobiliário) passa a ter suas cotas negociadas no mercado da bolsa brasileira nesta quarta-feira (06). Com o nome de FII BB FOF e o ticker de negociação BBFO11, o lote-padrão é de uma cota.

Foram subscritas e integralizadas 4.003.900 cotas, ao preço de R$ 100,00 por cota, em sua 1ª emissão de cotas encerrada em 29/12/2020.

De acordo com informe da B3, o fundo com prazo de duração indeterminado tem como objetivo compor uma carteira diversificada de cotas de fundos imobiliários negociados na B3 e tem como índice de referência o IFIX.

"O fundo tem por objeto a realização de investimentos imobiliários por meio da aquisição de ativos financeiros do segmento imobiliário, com alocação preponderante em cotas de outros fundos de investimento imobiliário negociados em bolsa de valores (Cotas de FII), e menos relevante na aquisição de letras de crédito imobiliário (LCI), letras hipotecárias (LH) e certificados de recebíveis imobiliários (CRI)", destaca em comunicado.

De acordo com o prospecto do FII, a parcela do patrimônio do fundo que, temporariamente, não estiver aplicada em ativos imobiliários, serão aplicadas, conforme os limites previstos na legislação aplicável, nos seguintes ativos de liquidez: operações compromissadas lastreadas em títulos públicos federais e/ou títulos públicos federais, compatíveis com as necessidades do Fundo, de acordo com as normas editadas pela CVM; e (ii) derivativos, exclusivamente para fins de proteção patrimonial, cuja exposição seja sempre, no máximo, o valor do patrimônio líquido do Fundo.

O FII tem registrado como administrador o BB Gestão de Recursos DTVM S.A. e como escriturador o Banco do Brasil S.A..

Número de investores em FIIs ultrapassa 1,2 milhão

Atualmente, no total, a B3 possui mais de 300 FIIs listados - um aumento de 64% em relação a dezembro de 2018. O número de investidores em Fundos Imobiliários também teve um forte aumento de, aproximadamente 600%, passando de 200 mil para mais de 1,2 milhão.

De acordo com Mário Palhares, diretor de Produtos Listados da B3, os FIIs ganharam alta relevância no mercado de capitais brasileiro.

"Nos últimos dois anos, o mercado de FIIs cresceu, aproximadamente, 123%, tornando-se o principal produto procurado pelas pessoas físicas depois das ações", confirma Palhares.

O Sócio e Economista da VLG Investimentos, Leonardo Milane, ressalta que, no caso dos Fundos Imobiliários, apesar da cobrança de Imposto de Renda (IR) de 20% na venda da cota se houver lucro, os dividendos mensais repassados para cada um dos portadores dos papéis são isentos de IR.

"Outro ponto importante das pessoas entenderem é que existem diversas classes neste universo de fundos. É muito difícil o investidor decidir sozinho em qual aplicar o seu dinheiro. Deve tomar muito cuidado ao fazer as escolhas sobre qual ativo vai colocar na carteira dele. Nos Fundos Imobiliários isso é mais delicado ainda. Existem alguns destes fundos que não contam com imóveis tão bons, por exemplo", aponta Milane.

+Q1Minuto

Entenda mais sobre os tipos de Fundos de Investimentos disponíveis na B3 ouvindo o episódio do podcast +Q1Minuto sobre quais são as principais classes de fundos e as vantagens dos FIPs, por exemplo. Nele o Sócio e Economista da VLG Investimentos, Leonardo Milane, explica com mais detalhes como os investidores podem tomar suas decisões na hora de escolher em qual tipo de fundo investir.

click aqui para falar com um especialista

Relacionados:

► O que são e como funcionam os fundos imobiliários?► B3 vai liberar empréstimo de cotas de FIIs e FIPs a partir da próxima segunda-feira (30)

Leia mais: