clique para ir para a página principal

Demanda de voos total da Gol recua 36,4% em dezembro

Atualizado em -

Demanda de voos total da Gol recua 36,4% em dezembro Divulgação/Gol
► Gol busca US$ 200 mi no exterior para pagamento de dívidas► Carteira do Índice de Carbono Eficiente reúne 63% das ações negociadas na B3

A Gol (GOLL4) anunciou nesta quarta-feira (06) seus dados operacionais referentes ao mês de dezembro de 2020 e o acumulado do quarto trimestre. A demanda total de voos apresentou recuo de 36,4% ante igual período no ano anterior, no trimestre, houve queda de 42,3% também na comparação anual.

A oferta total, medida em ASK (Available Seat Kilometers ou Assentos-Quilômetro Oferecidos), caiu 36% na comparação anual. No trimestre a queda foi de 41,9%. No acumulado do ano, a demanda ficou 51,9% menor e a oferta reportou queda de 50,8%.

Em dezembro, a taxa de ocupação ficou em 81%, queda de 0,1 p.p. ante 2019. O número de passageiros transportados caiu 54%, para 16,775 milhões.

Já na comparação mensal, a Gol reportou uma alta de 33% na demanda por voos medida por passageiro por quilômetro transportado em relação ao mês anterior. A companhia fez uma média de 476 voos por dia em dezembro, contra 369 em novembro.

Nos voos domésticos, a demanda caiu 28,5% em dezembro, 35,8% no 4º trimestre e 48,3% no acumulado de 2020. Já a oferta da companhia aérea caiu 26,7% em dezembro, 34,1% durante os três últimos meses de 2020 e 46,8% no fechamento do ano. Nos voos internacionais, apesar de não ter tido voos internacionais em dezembro e no quarto trimestre, a Gol apresentou uma queda de 76,3% na demanda acumulada de 2020. Já a oferta recuou 75% na mesma linha comparativa.

No segmento de transporte de cargas, 2020 representou uma baixa de 58,9% na quantidade transportada, totalizando 41 toneladas, contra 99,8 toneladas em 2019. O total transportado em dezembro foi de 4,4 toneladas, uma retração de 53,6% diante de dezembro de 2019, quando a Gol havia transportado 9,4 toneladas no período.

Relacionados:

► Gol busca US$ 200 mi no exterior para pagamento de dívidas► Carteira do Índice de Carbono Eficiente reúne 63% das ações negociadas na B3

Leia mais: