clique para ir para a página principal

Ibovespa encerra em -0,5% após uma sessão de extrema volatilidade

Atualizado em -

Ibovespa encerra em -0,5% após uma sessão de extrema volatilidade Pexels
► Cielo tem queda de 68% no lucro líquido e fecha 2020 com R$ 490,2 milhões► IPO da CSN Mineração pode levantar R$ 5,3 bilhões

O índice brasileiro encerrou o dia em queda de -0,5% aos 115.882 pontos pelo sexto pregão consecutivo após uma sessão de extrema volatilidade. Os índices das bolsas americanas caíram todos mais de 2% em meio a resultados decepcionantes de empresas como a Boeing, que recuou 4% depois de um prejuízo recorde de US$ 11,9 bilhões. Os investidores americanos também repercutiram a decisão de juros do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), que manteve os juros na banda entre 0% e 0,25% ao ano.

Investidores temem uma redução nas compras de títulos pelo Federal Reserve, que expandem a base monetária da economia americana para estimular o reaquecimento da atividade. Desde o início da crise do coronavírus, o Fed expandiu suas aquisições em mais de US$ 3 trilhões, elevando seu balanço para quase US$ 7,5 trilhões.

Enquanto isso, o dólar comercial registra alta de +1,51% a R$ 5,4056 na compra e a R$ 5,4071 na venda.

Maiores altas

  • Cielo (CIEL3) +13,35% R$ 4,16
  • Azul (AZUL4) +5,49% R$ 39,95
  • Eztec (EZTC3) +4,04% R$ 36,83

Maiores baixas

  • Suzano (SUZB3) -5,89% R$ 62,30
  • Totvs (TOTS3) -4,55% R$ 28,74
  • Notre Dame (GNDI3) -3,78% R$ 94,83

click aqui para falar com um especialista

Relacionados:

► Cielo tem queda de 68% no lucro líquido e fecha 2020 com R$ 490,2 milhões► IPO da CSN Mineração pode levantar R$ 5,3 bilhões

Leia mais: