clique para ir para a página principal

Janeiro tem inflação de 0,25%, menor índice em quatro meses. Em 12 meses, IPCA é de 4,56%

Atualizado em -

Janeiro tem inflação de 0,25%, menor índice em quatro meses. Em 12 meses, IPCA é de 4,56% Getty Images
► Mercado eleva pela terceira vez seguida projeções de inflação e PIB para 2021► IBGE: IPCA-15 sobe 0,78% em janeiro

A inflação em janeiro foi de 0,25%, segundo dados divulgados hoje pelo IBGE. O índice é o menor desde agosto e encerra um período de quatro altas seguidas. Nos últimos 12 meses, o indicador acumula alta de 4,56%.

A mudança na bandeira tarifária das contas de luz e as quedas nos preços de passagens aéreas ajudaram a segurar a inflação em janeiro, embora os itens alimentos e bebidas continuem a pressionar os preços.

“Houve uma queda de 5,60% no item energia elétrica, que foi, individualmente, o maior impacto negativo no índice do mês (-0,26 p.p.) Após a vigência da bandeira tarifária vermelha patamar 2 em dezembro, passou a vigorar em janeiro a bandeira amarela. Assim, em vez do acréscimo de R$ 6,243 por cada 100 quilowatts-hora, o consumidor passou a pagar um adicional bem menor, de R$ 1,343. O que resultou em uma deflação (-1,07%) no grupo Habitação, do qual esse item faz parte, mesmo com a alta em outros componentes, como o gás encanado (0,22%) e a taxa de água e esgoto (0,19%)”, explica o gerente da pesquisa, Pedro Kislanov.

Entre os itens que registraram elevação dos preços, destaque para o grupo Alimentação e Bebidas (1,02%), que apresentou a maior variação e o maior impacto positivo (0,22 ponto percentual) no índice do mês. A alta, no entanto, foi menos intensa do que a registrada em dezembro (1,74%).

Entre os alimentos, os destaques de alta no mês de janeiro foram cebola (17,58%) e tomate (4,89%), que haviam recuado no mês anterior. No lado das quedas, houve queda nos preços de carnes (-0,08%), leite longa vida (-1,35%) e óleo de soja (-1,08%) – que acumulou alta de 103,79% em 2020.

Relacionados:

► Mercado eleva pela terceira vez seguida projeções de inflação e PIB para 2021► IBGE: IPCA-15 sobe 0,78% em janeiro

Leia mais: