clique para ir para a página principal

Adidas anuncia intenção de vender a Reebok

Atualizado em -

Adidas anuncia intenção de vender a Reebok Adidas | Divulgação
► Alpargatas tem receita líquida de R$943 milhões no 3t20; vendas de havaianas online crescem 280%► Vulcabrás assume operação da Mizuno no Brasil

A marca alemã Adidas anunciou a venda da filial americana Reebok, que há anos passa por dificuldades financeiras. Em comunicado, a empresa afirma que “decidiu iniciar um processo formal de desinvestimento” como parte de um plano de recuperação de cinco anos.

O anúncio não menciona nenhum possível comprador e se limita a indicar que outros detalhes serão divulgados em uma reunião no próximo mês. A estratégia, segundo o grupo, é concentrar os esforços no fortalecimento da marca Adidas.

”Depois de uma reflexão cuidadosa, chegamos à conclusão de que Reebok e Adidas serão capazes de melhorar significativamente sua capacidade de crescimento de forma independente”, explicou Kasper Rorsted, presidente da multinacional.

A Reebok foi comprada pela Adidas em 2006 por US$ 3,8 bilhões com o propósito de fazer frente à Nike. A Reebok, no entanto, não conseguiu ‘deslanchar’, mesmo fazendo contratos com celebridades como Victoria Beckham, Cardi B e Ariana Grane. Hoje a marca está avaliada em cerca de US$ 970 milhões.

Relacionados:

► Alpargatas tem receita líquida de R$943 milhões no 3t20; vendas de havaianas online crescem 280%► Vulcabrás assume operação da Mizuno no Brasil

Leia mais: