clique para ir para a página principal

Bolsas mundiais operam com expectativas em relação ao pacote de estímulos dos EUA

Atualizado em -

Bolsas mundiais operam com expectativas em relação ao pacote de estímulos dos EUA Rahel Patrasso/Reuters
► CVM investiga uso de informação privilegiada com ações da Petrobras► Natura registra lucro de R$ 175,7 milhões no 4T20

Nesta segunda-feira (8), as bolsas mundiais operam com expectativas em relação ao pacote de estímulos de US$ 1,9 trilhão aprovado pelo senado dos Estados Unidos destinados a medidas de combate à pandemia. A proposta agora segue para a Câmara americana e deve ser analisada nessa semana. No mesmo contexto, os juros do Treasury americano ultrapassaram a marca de 1,6% pela manhã, o que contribui para a migração de investidores do mercado de ações para o de títulos, considerado mais seguro.

Em relação ao mercado mundial, nos EUA o índice futuro do S&P 500 opera com baixa de 0,55% tendo em vista a nova alta dos juros do Tesouro. Na Europa, mesmo com a preocupação em relação aos títulos americanos, o índice Stoxx 600 futuro opera com alta de 0,89%, com influência principal do setor bancário, que teve alta de 1,9%. As bolsas chinesas apresentam baixas no contexto da situação americana, entretanto uma alta de 154,9% das exportações da China em fevereiro, em relação ao mesmo período de 2020, indica um cenário otimista.

No Brasil, o destaque é o colapso do sistema de saúde em vários estados com o aumento de casos e mortes por conta do Coronavírus. Em meio a essa questão, há a expectativa em relação à votação da PEC Emergencial na Câmara, prevista para acontecer na quarta-feira (10).

Sobre as commodities, o petróleo Brent apresenta alta de 0,25%, cotado a US$ 69,53 o barril. Essa alta ocorre em meio a notícia de que a Arábia Saudita teve suas unidades petrolíferas atacadas com mísseis e drones no último domingo (7). Os contratos futuros de minério de ferro negociados na bolsa de Dalian (China) apresentam alta de 0,26%, cotados a US$ 173,97.

Em relação às corporações, há a expectativa em relação aos demonstrativos financeiros de Magazine Luiza, Marfrig, Petz e Santos Brasil, a serem divulgados após o fechamento do pregão acionário de hoje. Além disso, Petrobras recebe da União a indicação de seis nomes para o seu conselho de Administração, incluindo o general da reserva Joaquim Silva e Luna. Mais duas indicações ainda podem ser feitas.

Relacionados:

► CVM investiga uso de informação privilegiada com ações da Petrobras► Natura registra lucro de R$ 175,7 milhões no 4T20

Leia mais: