clique para ir para a página principal

Após troca de CEO, dois vice-presidentes do Banco do Brasil renunciam

Atualizado em -

Após troca de CEO, dois vice-presidentes do Banco do Brasil renunciam Senado Federal do Brasil
► Banco Inter anuncia compra da Duo Gourmet ► JP Morgan registrou lucro de US$ 14,3 bilhões no primeiro trimestre de 2021

O Banco do Brasil (BBAS3) comunicou, por fato relevante, a renúncia de dois dos seus vice-presidentes. O movimento acontece menos de um mês da troca de CEO da estatal.

Carlos da Costa André renunciou ao posto de vice-presidente de Finanças e Relações com Investidores e deixará o cargo em 26 de abril, enquanto Mauro Ribeiro Neto renunciou à posição de vice-presidente corporativo e sairá em 30 de abril. Em comunicado, os motivos alegados para a renúncia foram aposentadoria e questões pessoais, respectivamente.

Carlos deverá ser substituído por José Forni, atual diretor de suprimentos e infraestrutura do banco. Já Mauro deve ser substituído por Ênio Mathias Ferreira, hoje diretor de Governo.

As duas indicações precisam ser aprovadas pelo Conselho de Administração.

Às 15h54, as ações da companhia registravam alta de 0,03% a R$ 29,56.

Banco do Brasil terminou 2020 com lucro de R$ 13,9 bilhões

O Banco do Brasil registrou lucro líquido ajustado de R$ 13,9 bilhões no ano de 2020. O resultado representa um recuo de 22% em relação ao montante obtido em 2019. O lucro líquido referente ao quarto trimestre de 2020 foi de R$ 3,7 bilhões, valor cerca de 6% superior ao dos três meses anteriores.

Relacionados:

► Banco Inter anuncia compra da Duo Gourmet ► JP Morgan registrou lucro de US$ 14,3 bilhões no primeiro trimestre de 2021

Leia mais: