clique para ir para a página principal

JP Morgan registrou lucro de US$ 14,3 bilhões no primeiro trimestre de 2021

Atualizado em -

JP Morgan registrou lucro de US$ 14,3 bilhões no primeiro trimestre de 2021 Divulgação / FLICKR
► B3 anuncia início das negociações dos Fundos Imobiliários CXCO11 e VSLH11► BTG Pactual tem desdobramento de ações aprovado

Nesta quarta-feira (14), o JP Morgan divulgou seu balanço corporativo com os resultados primeiro trimestre de 2021. Os dados apontaram que o lucro da empresa passou de US$ 2,87 bilhões nos primeiros três meses de 2020 para US$ 14,3 bilhões no 1T21.

O valor recente corresponde a US$ 3,31 por ação. Esse resultado ficou acima da expectativa de analistas consultados pelo FactSet, que haviam projetado o valor de US$ 3,09 por papel.

Em relação a receita do banco, houve crescimento de 14% na mesma comparação anual, alcançando a marca de US$ 33,1 bilhões. Essa projeção também ficou acima do consenso da FactSet, que era de US$ 30,5 bilhões.

Já a receita líquida com juros caiu 11%, ficando em US$ 13 bilhões. O resultado foi influenciado pelo ambiente de fortes estímulos monetários e fiscais.

Esse recuo pressionou as ações da empresa no pré-mercado de Nova York. Às 8h22, no horário de Brasília, o papel do banco registrava baixa de 0,45%.

De acordo com o balanço, a instituição financeira chegou a liberar US$ 5,2 bilhões para perdas com empréstimos.

"Com estímulos, investimentos potenciais em infraestrutura, fortes balanços patrimoniais de consumidores e empresas e a euforia em torno do fim potencial da pandemia, acreditamos que a economia tem pode ter um crescimento extremamente robusto e plurianual", afirma o CEO do JPMorgan, Jamie Dimon.

Relacionados:

► B3 anuncia início das negociações dos Fundos Imobiliários CXCO11 e VSLH11► BTG Pactual tem desdobramento de ações aprovado

Leia mais: