clique para ir para a página principal

Sebrae: Brasil fechou 2020 com mais de 626 mil micros e pequenas empresas abertas

Atualizado em -

Sebrae: Brasil fechou 2020 com mais de 626 mil micros e pequenas empresas abertas Freepik
► Sebrae: Micro e pequenas empresas criaram 75% das vagas formais de emprego em janeiro► Segmentos da tecnologia e logística podem apresentar mais oportunidades para empreendedores

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) divulgou informações referentes a abertura de micro e pequenas empresas em 2020. Segundo os dados, foram iniciados 626.883 desses negócios no Brasil no ano passado.

Ainda de acordo com o Sebrae, 85% do total (535.126) eram microempresas e os outros 15% (91.757) eram empreendimentos de pequeno porte.

Entre os setores que mais registraram novas microempresas estão: serviços combinados de escritório e apoio administrativo com 20.398 empresas, comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios com 16.786 e restaurantes e similares com 13.124 aberturas.

Para os pequenos negócios, os segmentos que mais se destacaram também foram os de serviços combinados de escritório e apoio administrativo, que registrou 3.108 novas empresas e o comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios com 2.649. Logo em seguida, temos o setor de construção de edifícios com 2.617 novas empresas.

Segundo dados do governo federal, no ano passado foram criadas 3,4 milhões de novas empresas no Brasil, aumento de 6% em comparação com 2019.

No final de 2020, o saldo positivo no país foi de 2,3 milhões de empresas abertas, com destaque para microempreendedores individuais (MEI).

O Ministério da Economia informou que no país, em 2020, 2,6 milhões de MEIs foram abertos, o que representa uma aceleração de 8,4% em relação a 2019. Atualmente, o MEI é responsável por 56,7% das empresas em atividade no Brasil e 79,3% do total de empresas abertas no ano passado.

Relacionados:

► Sebrae: Micro e pequenas empresas criaram 75% das vagas formais de emprego em janeiro► Segmentos da tecnologia e logística podem apresentar mais oportunidades para empreendedores

Leia mais: