clique para ir para a página principal

Bolsas americanas operam com alta em meio a ânimo de investidores com resultados de empresas no 1T21

Atualizado em -

Bolsas americanas operam com alta em meio a ânimo de investidores com resultados de empresas no 1T21 Pexels
► Via Varejo anuncia mudança de nome para Via e compra fintech Celer► Smiles encerra primeiro trimestre de 2021 com lucro líquido de R$ 47 milhões

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Nesta terça-feira (27), a sessão é movimentada no cenário corporativo. Em Wall Street, serão divulgados, depois do fechamento do mercado, os resultados do primeiro trimestre de Microsoft e Alphabet.

Por aqui, os investidores repercutem os resultados da Vale, que registrou um lucro líquido de US$ 5,546 bilhões no primeiro trimestre de 2021, uma alta de 2.220% em relação ao resultado de US$ 239 milhões obtido no mesmo período do ano passado.

Com relação aos mercados mundiais, nos EUA os índices futuros Dow Jones, e S&P 500 e Nasdaq indicam alta de 0,01%, 0,09%, 0,12%, respectivamente. Até o momento, 84% das empresas componentes do índice S&P que reportaram tiveram resultados acima da expectativa. Nesta terça, investidores se preparam para a reunião de dois dias do Fed, o banco central americano, que se inicia hoje. A expectativa é de que o banco central não tome nenhuma nova medida imediatamente, e investidores devem se manter atentos às falas do presidente da instituição, Jerome Powell, especialmente em relação à inflação.

As bolsas asiáticas fecharam com tendência de queda, em meio à preocupação sobre a aceleração do ritmo de expansão do coronavírus. O Banco do Japão anunciou a sua decisão de manter sua política monetária estável. Além disso, o banco central japonês revisou sua projeção para o núcleo da inflação no ano fiscal de 2021 dos 0,5% projetados em janeiro para 0,1%. Várias regiões do país, incluindo Tóquio e Osaka, foram colocadas sob um novo estado de emergência em um esforço para barrar a propagação da Covid-19.

Na Europa, o índice Stoxx 600 futuro indica queda de 0,20%. Empresas como BP, UBS, ABB, Schneider Electric e Novartis estão entre aquelas que informam seu balanço do 1T21, nesta terça. Os resultados da BP superaram as expectativas com folga, com lucro com custo de reposição de US$ 2,6 bilhões no primeiro trimestre, impulsionado por preços mais altos do petróleo e margens maiores de refino. As ações da petroleira sobem mais de 0,7%. A UBS reportou receita líquida de US$ 1,8 bilhão para o primeiro trimestre, alta de 14%. Mas indicou perdas significativas com o escândalo envolvendo o fundo de investimentos Archegos Capital, em abril.

Sobre as commodities, o petróleo Brent é negociado com alta de 0,68%, cotado a US$ 65,47 o barril. Os contratos futuros de minério de ferro negociados na bolsa de Dalian (China) encerraram em alta de 1,89%, cotados a US$ 178,63.

Contexto corporativo

A mineradora Vale registrou um lucro líquido de US$ 5,546 bilhões no primeiro trimestre de 2021, uma alta de 2.220% em relação ao resultado de US$ 239 milhões obtido no mesmo período do ano passado. O resultado também cresceu de forma significativa em relação ao trimestre anterior, quando a empresa registrou ganhos de US$ 739 milhões.

Depois do fechamento, os balanços de Cesp, Cielo, Movida e Vamos Locação serão divulgados. Já a Petrobras divulga relatório de produção e vendas do 1º trimestre.

Ainda em destaque, o Grupo Soma anunciou na manhã da véspera que combinará suas operações com a Hering por R$ 5,1 bilhões, sendo o pagamento feito 30% em dinheiro (R$ 1,5 bilhão ou R$ 9,63 por ação) e 70% via troca de ações (1,625107 ações de SOMA3 por 1 ação HGTX3). O negócio ainda está sujeito à aprovação do órgão antitruste, com previsão de conclusão até o final do primeiro semestre de 2021.

Relacionados:

► Via Varejo anuncia mudança de nome para Via e compra fintech Celer► Smiles encerra primeiro trimestre de 2021 com lucro líquido de R$ 47 milhões

Leia mais: