clique para ir para a página principal

Primeiro fluxo cambial mensal negativo do ano, maio tem saída líquida de US$ 1,82 bi

Atualizado em -

Primeiro fluxo cambial mensal negativo do ano, maio tem saída líquida de US$ 1,82 bi Pexels
► Banco Mundial eleva projeção do PIB brasileiro para 4,5% em 2021► Inflação acelera para 0,83% em maio e tem maior alta para o mês em 25 anos

O fluxo cambial voltou a ficar negativo em maio, em US$ 1,821 bilhão, depois de quatro meses de entrada líquida de dólares, mostraram dados do Banco Central nesta quarta-feira (09).

O resultado negativo no mês foi determinado por uma saída de US$ 4,089 bilhões na conta financeira, apenas parcialmente compensada por um fluxo positivo nas operações comerciais de US$ 2,268 bilhões.

O BC mostrou, ainda, que nos três primeiros dias úteis de junho o fluxo foi negativo em US$ 436 milhões. No ano, o país acumula agora um fluxo cambial positivo de US$ 10,455 bilhões. No mesmo período de 2020, a conta estava negativa em US$ 9,573 bilhões.

Em 2021 até 4 de junho, a saída líquida de dólares pelo canal financeiro foi de US$ 498 milhões. Este resultado é fruto de aportes no valor de US$ 219,856 bilhões e de envios no total de US$ 220,353 bilhões. O segmento reúne investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo acumulado ficou positivo em US$ 10,953 bilhões, com importações de US$ 87,752 bilhões e exportações de US$ 98,705 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 13,844 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 28,671 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 56,190 bilhões em outras entradas.

Os bancos aumentaram sua posição vendida em dólares no mercado à vista pela primeira vez em cinco meses em maio. Esse estoque passou a US$ 18,699 bilhões, ante US$ 16,932 bilhões em abril.

Relacionados:

► Banco Mundial eleva projeção do PIB brasileiro para 4,5% em 2021► Inflação acelera para 0,83% em maio e tem maior alta para o mês em 25 anos

Leia mais: