clique para ir para a página principal

Hypera Pharma registra lucro líquido de R$ 470,6 milhões no 2º trimestre

Atualizado em -

Hypera Pharma registra lucro líquido de R$ 470,6 milhões no 2º trimestre Divulgação | Hypera Pharma
► Grupo Dimed apresenta à B3 pedido de migração para Novo Mercado► Hypera adquire 12 marcas de medicamento da Sanofi por US$ 190,3 milhões

(Estadão Conteúdo) - A Hypera Pharma (HYPE3) registrou lucro líquido de R$ 470,6 milhões no segundo trimestre deste ano, alta de 18,7% ante o mesmo período do ano passado. A companhia somou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 578,3 milhões, aumento de 29,7% na comparação anual. No critério ajustado (Ebitda de operações continuadas), a empresa atingiu R$ 591,9 milhões, avanço de 31,8%.

No acumulado do primeiro semestre de 2021, a farmacêutica registra R$ 775,7 milhões em lucro líquido (alta anual de 22,2%) e R$ 936,5 milhões de Ebitda (crescimento de 37,5%).

A companhia obteve alta de 43,5% na receita líquida do trimestre em relação aos período entre abril e junho de 2020, totalizando R$ 1,507 bilhão. No semestre, o total é de R$ 2,678 bilhões, aumento de 43,6%.

O sell-out (vendas diretas ao consumidor) orgânico atingiu 23,3%, com avanço de 1,1 ponto porcentual em relação ao crescimento do mercado, segundo o IQVIA, que elabora levantamentos relacionados à área de saúde.

Segundo a farmacêutica, a área de Produtos de Prescrição foi o destaque do trimestre, com crescimento de sell-out.

"Esse desempenho foi beneficiado pelo crescimento em medicamentos crônicos, segmento em que a companhia vem reforçando sua participação nos últimos anos com diversos lançamentos relevantes, em dermatologia e em Vitamina D, com sua marca líder Addera D-3", afirma na divulgação de resultados do segundo trimestre.

Por outro lado, a margem Ebitda da companhia sofreu queda de 3,5 pontos porcentuais na comparação anual, para 39,3%.

De acordo com o balanço, as despesas de Marketing tiveram crescimento de 59,4% ante o segundo trimestre de 2020, somando R$ 298,3 milhões. Além disso, as despesas gerais e administrativas apresentaram aumento de 14,4%, atingindo R$ 59,2 milhões.

A companhia encerrou o mês de junho com dívida líquida de R$ 4,589 bilhões, com leve redução da dívida do primeiro trimestre deste ano após geração de caixa livre de R$ 444,9 milhões.

Relacionados:

► Grupo Dimed apresenta à B3 pedido de migração para Novo Mercado► Hypera adquire 12 marcas de medicamento da Sanofi por US$ 190,3 milhões

Leia mais: