clique para ir para a página principal

Ações da IRB têm queda acumulada em torno de 35% no ano

Atualizado em -

Ações da IRB têm queda acumulada em torno de 35% no ano IRB Brasil RE / Divulgação
► B3 anuncia plataforma em parceria com IRB para mercado de seguros► Saiba a importância do seguro de vida e como escolher uma seguradora para o seu perfil

As ações da resseguradora IRB Brasil (IRB3) caíram na Bolsa de Valores após a companhia anunciar prejuízo líquido de R$ 206,9 milhões no segundo trimestre.

As ações da IRB chegaram a despencar para 7,51% nesta terça-feira (17), a R$ 5,05, renovando a mínima histórica. A ação fechou o dia em baixa de 3,66%, a R$ 5,26. Neste ano, a queda acumulada de IRBR é em torno de 35%.

Prejuízo no segundo trimestre

De acordo com a IRB Brasil RE, os resultados de abril a junho de 2021 foram prejudicados por conta da conjuntura econômica que impactou globalmente o setor de resseguros, e por sinistros decorrentes de negócios descontinuados (run-off), com impacto de R$ 190,3 milhões, parcialmente compensados pelo efeito não recorrentes (one-offs) na ordem de R$ 14,4 milhões.

Ignorando os efeitos, run off e one-off, o IRB afirma que teria um prejuízo líquido normalizado de R$ 31 milhões no segundo trimestre.

Outros resultados financeiros

Conforme os dados divulgados na última segunda-feira (16), o índice de sinistralidade total finalizou em 95,7%, compensando os 135,3% registrados no segundo trimestre do ano passado, no entanto, ficou acima dos 72,1% do 1T21.

O prêmio totalizou R$ 2,16 bilhões, registrando uma queda de 15,1% ano a ano. O prêmio obtido ficou quase estável, em R$ 1,73 bilhão, e o prêmio retido baixou 7%, para R$ 1,59 bilhão, usando a mesma base de comparação.

Relacionados:

► B3 anuncia plataforma em parceria com IRB para mercado de seguros► Saiba a importância do seguro de vida e como escolher uma seguradora para o seu perfil

Leia mais: