clique para ir para a página principal

Temporada de resultados em Wall Street ganha destaque e sessão de quinta começa em alta

Atualizado em -

Temporada de resultados em Wall Street ganha destaque e sessão de quinta começa em alta Angela Weiss/AFP
► Lira diz que cálculo do ICMS é responsável por alta dos combustíveis► Ibovespa fecha em alta de +1,14%; mercado internacional repercute política monetária americana

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Nesta quinta-feira (14), a sessão é de alta para as principais bolsas mundiais, com os investidores atentos à temporada de resultados do terceiro trimestre em Wall Street e à espera dos dados de preços ao produtor nos EUA.

Na quarta-feira (13), foi divulgado que a inflação ao consumidor de setembro nos EUA mostrou alta de 5,4% na comparação anual, enquanto a ata da última reunião do Federal Open Market Committee (Fomc) sinalizou que o programa de redução de compra de títulos pelo Federal Reserve poderia começar entre meados de novembro e meados de dezembro.

Por aqui, atenção ainda para os dados de volume do setor de serviços relativo a agosto, com expectativa de alta na comparação mensal em meio à reabertura econômica. Ontem, a Câmara dos Deputados ainda aprovou o texto principal de projeto que fixa o ICMS incidente sobre os combustíveis.

No mercado de câmbio, o Banco Central faz leilão de swap extra, em oferta de até 20 mil contratos (US$ 1 bilhão). Já no noticiário corporativo, atenção para as prévias operacionais do terceiro trimestre de diversas construtoras.

Internacional

Sobre os mercados mundiais, os índices futuros Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq indicam altas de 0,58%, 0,66% e 0,75%, respectivamente. Na quarta-feira, o Dow Jones ficou estável em 34.377,81 pontos, o S&P avançou 0,3% e o Nasdaq teve alta de 0,7%. O JPMorgan deu início à temporada de divulgação de resultados de grandes bancos nos Estados Unidos, com bons resultados que superaram as expectativas, impulsionado por US$ 1,5 bilhão por conta de perdas com empréstimos melhores do que o esperado. Apesar disso, os papéis recuaram 2,6%, e as ações de outros bancos também tiveram quedas.

O dia de hoje será marcado pela divulgação de outros grandes bancos antes da abertura dos mercados: Bank of America (BOAC34), Citigroup (CTGP34), Morgan Stanley (MSBR34) e Wells Fargo (WFCO34). Ontem à tarde foram divulgadas as minutas da reunião de setembro do Comitê Federal do Mercado Aberto (Fomc na sigla em inglês) do Federal Reserve, que indicou que o banco central americano pode iniciar o processo de redução do ritmo de compra de ativos em meados de novembro ou meados de dezembro. Atualmente, o banco central americano vem comprando US$ 120 bilhões mensalmente em títulos.

As bolsas asiáticas fecharam a quinta-feira em altas, em sua maioria. A inflação ao produtor avançou em setembro 10,7% na China, em comparação com o mesmo período do ano anterior, acima da expectativa de alta de 10,5% de analistas ouvidos pela agência internacional de notícias Reuters. A inflação ao consumidor avançou 0,7% em comparação com o ano anterior, abaixo da expectativa de alta de 0,9%. O governador do Banco Popular da China, Yi Gang, afirmou ontem que avalia que a inflação é moderada de forma geral.

As bolsas europeias têm altas, à medida que investidores reagem à divulgação de dados de inflação e rendimentos nos Estados Unidos. O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, avança 0,8%, com desempenho positivo de todos os principais setores e destaque para o de recursos básicos. O preço do barril de petróleo avança nesta quinta-feira, e o minério de ferro negociado na Bolsa de Dalian (China) recua.

Brasil

No Brasil, o último pregão de ações encerrou com alta de 1,14%, a 113.455 pontos. O dólar comercial registrou queda de 0,51%, a R$ 5,508 na compra e R$ 5,509 na venda.

Como destaque, A Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira o texto principal de projeto que fixa o ICMS incidente sobre os combustíveis, uma proposta defendida pelo presidente Jair Bolsonaro, mas que não conta com a simpatia de boa parte dos governadores.

O projeto foi enviado originalmente ao Congresso pelo governo de Bolsonaro, que credita a alta dos combustíveis aos governadores e ao ICMS cobrado pelos entes da Federação. A proposta também recebeu o apoio do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). Os governos estaduais afirmam, no entanto, que sofrerão perda de R$ 24 bilhões com o projeto que muda o cálculo do ICMS, e apontaram a política de preços praticada pela Petrobras como a verdadeira responsável pelos preços altos praticados no país. O texto principal foi aprovado com 392 votos a favor e 71 contrários.

Commodities

Sobre as commodities, o minério negociado na bolsa de Dalian (China) teve queda de 2,9%, a 736 iuanes, o equivalente a US$ 114,37. O petróleo Brent é negociado com alta de 1,18%, a US$ 84,16 o barril.

Corporativo

No contexto das corporações, a Cyrela registrou R$ 2,2 bilhões em valor geral de vendas (VGV) de lançamentos no terceiro trimestre de 2021, alta de 33,2% ante o mesmo período de 2020. Segundo a prévia operacional da empresa, divulgada ontem, a companhia lançou 12 empreendimentos entre julho e setembro. Por outro lado, as vendas líquidas contratadas no terceiro trimestre somaram R$ 1,366 bilhão, valor 20,2% inferior ao registrado no mesmo intervalo do ano anterior e 12,5% abaixo do segundo trimestre de 2021.

Também como destaque, a VGV total da Even (EVEN3) foi de R$ 767 milhões, com R$ 658 milhões direcionados à companhia, montante que superou em 5,7% igual período de 2020. Houve queda de 42,3% nas vendas líquidas, que somaram R$ 277 milhões nos primeiros nove meses do ano.

Além disso, a operadora logística Log-In (LOGG3) anunciou na quarta-feira a compra de dois navios porta-contêineres a serem construídos pelo estaleiro chinês Zhoushan Changhong e com entregas previstas para fim de 2023 e maio de 2024. A companhia afirmou em fato relevante ao mercado que o valor de cada embarcação é de 42,6 milhões de dólares e que eles têm capacidade nominal de 3.158 TEUs, unidade equivalente a um contêiner de 20 pés. Segundo a Log-In, a capacidade dos navios é cerca de 25% maior do que a do Log-In Polaris, a embarcação mais moderna da frota da companhia. “Porém, com performance similar de consumo de combustível por contar com tecnologia mais atual e eficiente”, afirmou a empresa no fato relevante.

Por fim, a Hapvida (HAPV3) comunicou a aquisição, por meio da subsidiária Ultra Som Serviços Médicos, de 100% do capital social da empresa Viventi Hospital Asa Sul, em Brasília (DF), por R$ 22 milhões. Além do hospital, a Hapvida fechou acordo com o proprietário do imóvel onde está o Hospital Viventi.

Relacionados:

► Lira diz que cálculo do ICMS é responsável por alta dos combustíveis► Ibovespa fecha em alta de +1,14%; mercado internacional repercute política monetária americana

Leia mais: