clique para ir para a página principal

Semana inicia com horário estendido na B3; atenção também aos dados da balança comercial chinesa

Atualizado em -

Semana inicia com horário estendido na B3; atenção também aos dados da balança comercial chinesa Divulgação/B3
► Brasil corta em 10% as tarifas de importação de cerca de 87% dos bens e serviços importados► Bolsa brasileira encerra o dia em alta de +1,37% cotado aos 104.824 pontos

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Nesta segunda-feira (08), a sessão é marcada pela divulgação de resultados por aqui e pelo início do horário estendido na Bolsa brasileira por conta do fim do horário de verão nos EUA, além da PEC dos precatórios estar no radar do mercado brasileiro.

Na última sexta-feira (05), a ministra do STF, Rosa Weber, suspendeu o pagamento das Emendas de Relator (RP9) e cobrou explicações da Mesa Diretora e do presidente da Câmara, Arthur Lira, sobre a autorização de deputados participarem remotamente da votação em primeiro turno, o que pode atrapalhar o andamento da votação, esperada para terça-feira (09).

Na agenda externa, atenção para a repercussão dos dados da balança comercial chinesa. As exportações tiveram expansão anual de 27,1% em outubro, superando as expectativas e ajudando o país a registrar superávit recorde em sua balança comercial, de US$ 84,54 bilhões. Nos EUA, na sexta-feira, a Câmara dos Deputados americana passou o pacote de infraestrutura de Joe Biden; o indicador mais importante na semana por lá será o dado de inflação ao consumidor, na quarta-feira (10).

Internacional

Sobre os mercados mundiais, nos EUA os índices futuros Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq indicam altas de 0,20%, 0,09% e 0,05%, respectivamente. Na sexta-feira, os índices atingiram patamares recordes, após o Departamento de Emprego divulgar o relatório de emprego (Payroll) relativo a outubro, que indicou a adição de 531 mil vagas, acima da expectativa do mercado.

Também no fim da última semana, a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou uma lei de infraestrutura de mais de US$ 1 trilhão, e enviou a proposta para que o presidente Joe Biden a assine. O novo pacote, que já havia sido aprovado pelo Senado em agosto, pode oferecer mais financiamento para transporte, serviços e banda larga, entre outros projetos de infraestrutura.

Na sexta-feira, os três principais índices americanos fecharam em patamares recordes. O Dow avançou 0,6%, em sua sexta sessão consecutiva; o S&P ganhou 0,4%; o Nasdaq Composto, 0,2%. Nesta semana, investidores aguardam por dados de inflação nos Estados Unidos, que podem trazer novos indícios sobre a perspectiva de redução no ritmo do programa de compra de títulos pelo Federal Reserve.

Hoje as bolsas asiáticas tiveram desempenhos variados entre si. No fim de semana, números oficiais mostraram que as exportações da China tiveram expansão anual de 27,1% em outubro, superando as expectativas e ajudando o país a registrar superávit recorde em sua balança comercial, de US$ 84,54 bilhões. Por outro lado, as importações chinesas avançaram menos do que se previa na mesma comparação, com aumento de 20,6%. Ainda na China, a semana começa com o importante encontro do Partido Comunista Chinês, que se reúne até quinta-feira (11). Nele serão debatidos os próximos passos do programa de “common prosperity”, que definirá novas intervenções do governo no setor privado.

Na Europa, investidores também reagem aos dados de exportação da China. O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, oscila positivamente, com destaque negativo de papéis do setor de varejo e positivo do setor de petróleo e gás.

Brasil

No Brasil, o último pregão de ações encerrou com alta de 1,37% aos 104.824 pontos. O volume de negócios do dia ficou em R$ 31,3 bilhões. Na semana, o índice acumula alta de 1,3%. O dólar comercial fechou em queda de 1,49% a R$ 5,522 na compra e R$ 5,523 na venda.

Como destaque, reportagem do jornal Folha de S. Paulo publicada nesta segunda-feira afirma que, até a noite de domingo (7), o governo não tinha votos suficientes entre deputados para aprovar o segundo turno da PEC dos Precatórios na Câmara dos Deputados. O texto aprovado em primeiro turno na Câmara permite ao governo adiar o pagamento de parte dos precatórios devidos em 2022. Esta mudança traria folga de R$ 54,6 bilhões em 2022, segundo cálculos do Tesouro.

Commodities

Sobre as commodities, o minério negociado na bolsa de Dalian (China) teve alta de 1,42%, a 570,5 iuanes, o equivalente a US$ 89,21. O petróleo Brent é negociado com alta de 1,39%, a US$ 83,89.

Corporativo

No contexto corporativo, a temporada de resultados segue movimentada, com BB Seguridade (BBSE3) divulgando seus números antes da abertura do mercado e Banco do Brasil (BBAS3) revelando seu resultado do terceiro trimestre após o fechamento. Blau Farmacêutica (BLAU3), CBA (CBA), Direcional (DIRR3), GetNinjas (NINJ3), JSL (JSLG3), Petz (PETZ3), Lojas Marisa (AMAR3), Lojas Quero-Quero (LJQQ3), São Carlos (SCAR3), São Martinho (SMTO3), Três Tentos (TTEN3) e Yduqs (YDUQ3) também divulgarão seus números.

A BB Seguridade reportou lucro líquido ajustado de R$ 975,8 milhões no terceiro trimestre de 2021 (3T21), recuo de 11% em relação ao mesmo período de 2020. Segundo a empresa, o resultado do trimestre foi impactado negativamente em R$ 30,5 milhões pela majoração da alíquota de CSLL em 5 p.p. para as sociedades seguradoras e de capitalização, conforme Lei nº 14.183 de 14/07/2021 em vigor até o final deste ano.

Além disso, A M. Dias Branco (MDIA3), líder nos mercados de biscoitos e massas no Brasil, registrou um lucro líquido de R$ 196,6 milhões no terceiro trimestre de 2021, queda de 25,9% na comparação com igual período de 2020, quanto lucrou R$ 265,4 milhões. Isso por conta de um recuo na demanda após o pico de consumo causado pelas medidas de isolamento social contra a pandemia da Covid-19 em 2020, informou a empresa nesta sexta-feira. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi de R$ 286,6 milhões no trimestre, baixa de 12,6% frente os R$ 328 milhões registrados no terceiro trimestre do ano passado, com impactos desfavoráveis do câmbio e dos menores volumes.

Por fim, a Gol (GOLL4) registrou um aumento de 13,9% na demanda de voos domésticos (RPK) em outubro de 2021 no comparativo com o mesmo mês de 2020. Já a oferta de voos, medida pelo indicador assento por quilômetro oferecido (ASK), subiu 5,3% no 3T21. Em outubro, a Gol transportou 1,9 milhão de passageiros, crescimento de 23,4% sobre outubro de 2020.

Relacionados:

► Brasil corta em 10% as tarifas de importação de cerca de 87% dos bens e serviços importados► Bolsa brasileira encerra o dia em alta de +1,37% cotado aos 104.824 pontos

Leia mais: